Google E-A-T: entenda o que é

Google E-A-T: entenda o que é

Se você está profundamente preocupado com o tráfego orgânico e sabe que anunciar no Google não é fácil, já deve estar vigilante sobre sempre novas atualizações sobre os critérios de ranqueamento na plataforma.

Desde 2019, o Google têm aplicado o E-A-T como parte de seu algoritmo de ranqueamento, chamado PageRank, e ser pego desprevenido com essa atualização pode causar muitos transtornos.

Por isso esse artigo se destina a apresentar para você o que é o Google E-A-T e como ele poderá impactar o seu negócio

O que é Google E-A-T?

A sigla está relacionada com o conceito de ‘’Expertise, Autoridade e Confiabilidade’’, os três principais fundamentos que devem estar inseridos no conteúdo de seu site.

Expertise

Basicamente, quando o algoritmo estiver analisando a sua página ele avaliará qual é a principal premissa da existência de seu negócio, isto é, como seu produto ou serviço por ajudar os usuários. Quando os benefícios não são objetivos eles costumam ser pior avaliados.

Autoridade

Outra questão que é avaliada pelo PageRank é o quanto o seu conteúdo é cientificamente embasado, Isto é, se ele foi escrito ou produzido por um especialista.

Esse conceito também está relacionado ao quanto a sua página está sendo mencionada em outros sites, isto é, quantos links externos você possui.

Quanto maior a reputação, maior a chance de sua página ser mais bem posicionada.

Confiabilidade

Nesse caso o Google irá avaliar a quantidade de informações disponíveis para o usuário, detalhes importantes para um atendimento ao cliente honesto e limpo como, por exemplo, quem é o dono do empreendimento e credenciais de instituições oficiais que liberam para que o site forneça o serviço ou o produto.

pesquisando no google

O que é YMYL (Your Money or Your Life)

De acordo com as diretrizes do Google, algumas páginas recebem maior rigidez no momento do posicionamento ou qualificação, essas são consideradas páginas que influenciam diretamente na tomada de decisão dos usuários.

Não estão muito claro quais são as páginas que ingressam nesse tipo de classificação, até porque o Google não avisa ao proprietário do site que ele estará submetido a um determinado controle de qualidade, porém é possível citar alguns exemplos gerais de sites que entram nessa regra:

  • Sites de compra e transação financeira: como instituições financeiras, marketplace, e-commerce e afins.
  • Páginas que disponibilizam serviços financeiros: como investimento, cotação, seguros etc.
  • Sites que disponibilizam serviços de saúde: como medicamentos, consultas e doenças.

Como saber se a sua página está bem classificada pelo Google?

Existem algumas ferramentas que podem lhe ajudar a avaliar critérios como a reputação, uma delas é o Ubersuggest de Neil Patel.

Porém, a melhor forma de garantir que você não será penalizado é por meio da adoção dos critérios expressados anteriormente, isto é, é necessário que seu empreendimento tenha uma expertise clara, tenha conteúdo de autoridade e passe confiança para os visitantes.

Outra questão que precisa de atenção é ao excesso de anúncios na página e com uma interface prejudicial para a melhor navegabilidade do usuário. Portanto, sempre se atente para que esses dois pontos sejam supridos.

Afinal, o que muda com o Google E-A-T?

Com a aplicação do Google E-A-T, um conteúdo bem embasado não pode ser somente um conteúdo bem escrito, com palavras-chaves e sem erros gramaticais, mas um conteúdo que possua um embasamento claro, possuindo aval de especialistas e que seja citado por outros sites.

Ademais, com a aplicação do Google E-A-T, quanto mais informação sobre o seu serviço melhor para garantir que seu usuário está plenamente assegurado de todo conhecimento que precisa para fazer a compra.

No geral, o E-A-T é uma forma de SEO que pretende suprir alguns vácuos deixados pela produção de conteúdo para web, colocando como prioridade a informação fornecida por especialistas. 

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *